Buscar
  • Humberto Amadori

DOENÇA DE ALZHEIMER: Quando as memórias não voltam mais

Atualizado: 2 de Jun de 2020

Um dia você simplesmente percebe:

Sua mãe está diferente.


Aquela PERDA DE MEMÓRIA, antes atribuída ao envelhecimento, continua progredindo e começa a se manifestar de outras maneiras.

- O que eu vim fazer aqui?

O sagrado café do dia-a-dia e os passos para seu preparo tornaram-se desafios intransponíveis. Os caminhos da vizinhança, tão familiares anteriormente, transformaram-se em um labirinto indecifrável cujo destino final, cada vez mais, é a porta de um novo desconhecido.

E o dinheiro, tão bem cuidado em outros tempos, agora desaparece, apenas para depois ser reencontrado dentro da geladeira ou da máquina de lavar.

De alguma forma, a boca do fogão cada vez mais acesa contrasta com as memórias de sua mãe.

- O que eu vim fazer aqui?

DOENÇA DE ALZHEIMER

A CADA TRÊS SEGUNDOS, alguém no mundo desenvolve demência, mais comumente a DOENÇA DE ALZHEIMER. Apesar disso, frequentemente seu diagnóstico não é realizado ou é feito tardiamente.

O Serviço Nacional de Saúde do Reino Unido, em 2013, constatou que MAIS DA METADE (52%) dos casos de Doença de Alzheimer não são reconhecidos. No Brasil, preocupantes 78% dos pacientes não tem seu diagnóstico realizado, ou seja, de cada cinco brasileiros com Doença de Alzheimer, QUATRO NÃO SÃO DIAGNOSTICADOS.

Sabe-se que quanto mais precoce for o diagnóstico, maior a chance de o paciente receber um tratamento bem sucedido e ele e sua família usufruírem de uma vida com maior qualidade.

Mesmo que no envelhecimento normal possa haver declínio de alguns tipos de memória (sim, não há só um tipo de memória), este declínio é muito menor do que pode se pensar, NUNCA comprometendo o dia-a-dia do paciente.

Ou seja, A DOENÇA DE ALZHEIMER NÃO É ESPERADA NO ENVELHECIMENTO NORMAL.

Portanto, fique atento aos primeiros sintomas, busque o diagnóstico precoce.

Não é “da idade”, não é esclerose.

É ALZHEIMER.


Humberto Alexandre Amadori – médico geriatra


#curitiba #geriatria #idoso #memoria #alzheimer #naoedaidade #idadenaoedoença #demencia #bemestar

233 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

EnvelheSER